ANVISA fala da urgência na criação de novas vagas

Published on
08 abril 2022
CDPI
CDPI

Por: O JOTA

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vai iniciar uma rodada de reuniões com representantes do governo e com parlamentares para mostrar a urgência da criação de vagas para a autarquia.

“Caso isso não seja feito, dentro de dois ou três anos teremos uma falência na área de portos e aeroportos do país”, afirmou ao JOTA o diretor da Anvisa, Alex Machado Campos. “Se houver qualquer outro evento de saúde de dimensão internacional como o que enfrentamos com a Covid-19, não teremos como responder”, completou.

O diretor conta que, em 2020, a Anvisa concedeu 250 mil autorizações para importação de medicamentos.  Em 2021, o número passou para 360 mil. Apesar do aumento da demanda, a agência enfrenta uma redução gradual do número de trabalhadores.

Em 2006, 1.300 colaboradores foram reunidos para trabalhar na autarquia, mas muitos se aposentaram ao longo dos anos. Atualmente, o setor de portos e aeroportos reúne 550 funcionários, dos quais 220 são concursados. A maioria é proveniente do grupo de colaboradores. “Somente hoje, sete se aposentaram”, disse o diretor, na manhã da sexta (1/04).

Na terça (5/3), uma reunião foi realizada com representantes de portos e aeroportos do país para fazer uma análise detalhada das necessidades. A partir dos dados, um estudo sobre as demandas será preparado e apresentado a parlamentares e ao governo.

Para que o pedido de abertura de vagas seja feito, é necessária uma iniciativa de lei do presidente da República, por intermédio do Ministério da Saúde. É preciso, ainda, a inclusão do gasto no orçamento. “Daí a necessidade de nos mobilizarmos e ter uma sinalização até meados do ano”, completou.

Machado Campos afirmou que, apesar de haver no Congresso algumas discussões que apontem para uma diminuição de competências da agência, há muito espaço para o diálogo. “Nunca fomos tão ouvidos. Além disso, a questão do incremento para portos e aeroportos não é apenas uma questão da Anvisa, é do Brasil.”

O diretor argumentou ainda que, por mais que haja mecanismos de inteligência, de uso de dados para tornar os processos mais ágeis, funcionários são indispensáveis. “A ausência de profissionais é um risco para saúde pública e também para a economia.”

Atualmente, há registros de filas para liberação de cargas em portos. “Queremos reduzi-la, porque sabemos que isso representa custos. Sem falar na previsibilidade para empresas.” Mas a solução do problema, completa, passa também por uma melhor estrutura de funcionários.

O CDPI Pharma está lançando a segunda turma do curso preparatório, para os profissionais que desejam preparar-se para o Concurso da ANVISA, que já está em trâmite no congresso nacional. Acesse nossa portal e saiba mais www.cdpipharma.com.br

Participe do nosso grupo de WhatsApp para receber notícias relacionadas à indústria farmacêutica. Clique aqui e faça parte do seleto grupo CDPI Notícias.

Contatos
  • Julliana Moura
    Diretora Técnica
    Telefone: (62) 9.9860-6833
  • Unidades CDPI Pharma

    Escritório/Unidade - GO
    Telefone: 62 4102-2635
    Rua 03, N° 663 - St. Oeste | Cep: 74.115-050 | Goiânia - GO
    Laboratório de aulas práticas - SP
    Av. Bela Vista, N° 123 - Jardim Bela Vista | Vargem Grande Paulista | São Paulo - SP

  • ATENDIMENTO
    De Segunda a Sexta-Feira, das 08 às 17hs.

Fale Conosco

© CDPI Pharma. All rights reserved.
By Next4

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp x